Dólar sobe enquanto disputa comercial impulsiona demanda

O Dólar sobe enquanto disputa comercial impulsiona demanda por refúgio seguro, mas negociações entre EUA e Canadá pesam no par USD/CAD.

O dólar subiu na quarta-feira uma vez que o conflito comercial entre os EUA e a China impulsionou a demanda por refúgio seguro para a moeda, mas notícias sobre o Canadá estando pronto para fazer uma concessão para os EUA encerrar as negociações sobre a revisão do Acordo Norte-Americano de Livre Comércio (NAFTA) pesou no par USD/CAD.

O índice dólar dos EUA, que mede a força do dólar dos EUA contra uma cesta de seis principais moedas, subiu 0,09% para US$ 95,14.

O dólar caiu 0,1% para 111,53 contra o iene de refúgio seguro. O analista sênior, Kumiko Ishikawa, declarou que o par escalou ontem, mas estes ganhos estão gradualmente diminuindo uma vez que não há muito apetite para arriscar.

Um índice para moedas de mercados emergentes estava movendo-se perto de uma mínima de 16 meses atingida durante a sessão de negociação da manhã.

O gerente do escritório de Tóquio em uma empresa financeira, Bart Wakabayashi, disse que não se pode negar que mercados emergentes tem caído e tem pesado no sentimento, e que provavelmente empurrou muitos fluxos para os EUA e o dólar.

Todo este tumulto dos mercados emergentes no centro de toda esta incerteza comercial realmente levaram os participantes para o dólar e novamente, e de alguma forma, o iene, acrescentou Wakabayashi.

Guerra Comercial EUA-China

Os investidores estão observando de perto os conflitos comerciais entre os EUA e a China em meio aos receios de que uma intensificação poderá estar se aproximando.

O yuan offshore da China avançou 0,03% para 6,8773 por dólar após marcar uma mínima de duas semanas e meia de 6,8888.

China planeja pedir à Organização Mundial do Comércio na próxima semana o consentimento para impor sanções aos EUA pelo não cumprimento de Washington de decisões sobre tarifas de dumping dos EUA.

A medida ocorreu após o presidente dos EUA, Donald Trump, ter anunciado na sexta-feira que ele estava preparado para impor tarifas sobre US$ 267 bilhões de importações chinesas, logo após as tarifas planejadas sobre US$ 200 bilhões de produtos chineses.

O dólar australiano, que é considerado um medidor para expansão global devido à grande exposição comercial do país à China, caiu 0,6% para 0,7116.

A moeda negociou próximo a uma mínima de 2 anos e meio de 0,7085 na terça-feira em meio à preocupações com os exportadores da Austrália enfrentando possivelmente dificuldade de qualquer dano para a economia chinesa de uma guerra comercial.

Canadá Pronto Para Fazer Concessões de Laticínios Para o NAFTA

O dólar dos EUA estava no vermelho contra seu similar canadense, após notícias sobre o Canadá concordando em garantir o acesso dos EUA à seu mercado de laticínios terem surgido.

Duas fontes canadenses familiarizadas com o assunto declararam que o Canadá estava pronto para oferecer acesso limitado dos EUA à seu setor de laticínios protegido como uma concessão para finalmente estabelecer um novo NAFTA.

A moeda estava em baixa de 0,1% para 1,3050 contra o dólar canadese que acrescentou quase 0,75% na sessão, após as notícias das negociações comerciais.

A indústria de laticínios do Canadá é um dos três maiores obstáculos nas negociações do NAFTA entre os dois países, juntamente com uma medida para resolver as disputas comerciais e as proteções culturais para as companhias média do Canadá.

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que as negociações com o Canadá estavam indo bem e deseja fazer um acordo. O ministro das relações exteriores do Canadá, Chrystia Freeland, retornou para Washington na terça-feira para juntar-se às negociações em relação à retomar o NAFTA antes do prazo de 1 de outubro.

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: