Preços do Petróleo Sobem Ante Fraco Estoque de Petróleo Cru dos EUA

Preços do petróleo sobem após dados mostrarem estoque de petróleo cru caírem para mínima de três anos.

Os preços do petróleo subiram na segunda-feira, após os dados divulgados na semana passada, que mostraram que os estoques de petróleo nos EUA caíram para o menor nível em até três anos. A escalada do atrito comercial entre os EUA e a China, duas das maiores economias do mundo, continuou sendo o foco central entre os participantes.

Os contratos futuros de petróleo bruto WTI para entrega em agosto foram negociados a US$ 74,8 por barril, ou 0,38% acima do fechamento anterior. O Futuros de petróleo Brent, com sede em Londres, para entrega em setembro também foi maior, com alta de 0,47%, negociado a US$ 77,48 por barril.

Os estoques em Cushing, que é o ponto de entrega dos futuros do petróleo nos EUA, despencaram para o menor patamar em três anos e meio, de acordo com os dados mostrados na quinta-feira.

“Cushing está claramente gritando por bruto, com a demora de alguns meses mais de US$ 2 backwardated”, afirmou Virendra Chauhan, que é analista da Energy Aspects, sediada em Cingapura.

 

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e outros países participantes firmaram um acordo no início deste mês, dando luz verde para um impulso modesto na produção.

 

Em meio a tudo isso, os negociadores ainda estavam cuidadosos com a disputa comercial entre os Estados Unidos e a China. Isso é verdade mesmo quando os analistas sugeriram que as preocupações do que os preços do petróleo seriam prejudicados pela guerra comercial que lentamente se desvaneceu.

 

Na sexta-feira, as tarifas dos EUA sobre bens chineses de US$ 34 bilhões foram implementadas. O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que outros US$ 16 bilhões em impostos de importação devem entrar em vigor depois de algumas semanas. Ele também disse que está pensando em pagar mais impostos de US$ 500 bilhões em produtos chineses se a retaliação for feita por Pequim.

 

A China respondeu prontamente e impôs tarifas na mesma quantidade de valor aos produtos dos EUA. O Ministério do Comércio da China declarou que não tinha escolha a não ser responder aos EUA, que, segundo eles, “lançaram a maior guerra da história econômica”.

 

Em outras notícias, o ministro do Petróleo do Irã acusou Trump no fim de semana de insultar a Opep ao ordenar que aumentasse a produção e baixasse os preços. Ele acrescentou que a produção de petróleo e as exportações do país não mudaram apenas por causa da pressão dos EUA.

 

“Sr. Trump envia a cada dia uma nova mensagem que cria incertezas no mercado”, disse o ministro iraniano de Petróleo, Bijan Zanganeh, em uma entrevista. “O pedido de Trump aos membros da OPEP para aumentar a produção é um grande insulto a esses governos e nações e desestabiliza o mercado”.

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: